Desenvolvimento front-end: Entenda como começar e benefícios

desenvolvimento front end

No desenvolvimento de um aplicativo ou site, existem todos os elementos que fazem parte da interface e todos aqueles que estão por trás dela. Você sabe o que isso significa?

É justamente isso que separa o desenvolvimento front-end do back-end. Ambos são termos que indicam especializações distintas as quais os desenvolvedores escolhem trabalhar.

Nesse artigo, em específico, vamos focar no que caracteriza o desenvolvimento front-end e quais são seus diferenciais.

Se você quer saber mais sobre o desenvolvimento front-end, aproveite para ler esse artigo. Nele, vamos falar sobre o que é esse tipo de desenvolvimento, como ele funciona e o que um programador front-end precisa saber para começar. Boa leitura!

O Maker Bootstrap é uma plataforma de desenvolvimento de softwares que acelera o desenvolvimento de aplicações web e mobile.

O que é Front-end?

O desenvolvimento front-end nada mais é do que o desenvolvimento responsável por organizar a interface de um aplicativo ou página web. 

Dessa forma, portanto, é a parte que trabalha com toda a aplicação que interage diretamente com o usuário. Esses elementos incluem botões, menus, páginas, links, gráficos, entre outros.

Sendo assim, o front-end está bastante ligado, também, com a experiência do usuário. As principais tecnologias que se executa front-end são:

  • Hypertext Markup Language (HTML), uma linguagem de marcação;
  • JavaScript, uma linguagem de programação.
  • CSS, uma linguagem de estilo.

Como funciona o desenvolvimento Front-end?

No desenvolvimento front-end, o profissional irá mexer com o código em si, Logo, ele irá projetar com quais ferramentas o usuário irá interagir. 

O desenvolvimento front-end funciona a partir da interpretação pelos navegadores ou sistemas operacionais que, por sua vez, vão ajudar a transmitir aqueles elementos até os usuários.

Qual a diferença entre front-end e back-end?

Como falamos no começo do texto, o front-end e back-end são diferentes tipos de desenvolvimentos. 

Diferente do front-end, que diz respeito a tudo que o usuário pode ver, o back-end, como o próprio nome sugere, é o oposto: ele é tudo aquilo que está por trás e que garante que o sistema está funcionando corretamente.

Logo, o desenvolvimento back-end é responsável por elementos como o banco de dados e os servidores, bem como a segurança, a estrutura e o gerenciamento de conteúdo.

Em termos de hierarquia, ambos têm a mesma relevância. Afinal, um produto só vai funcionar bem e ser bem aceito pelos clientes se tiver tanto o back como o front bem executado.

Qual a importância do desenvolvimento front-end?

Qual a importancia do desenvolvimento front end

O desenvolvimento front-end é muito importante no que diz respeito à usabilidade de um aplicativo ou página web.

É a partir dessa usabilidade que o usuário vai sentir segurança para utilizar o aplicativo ou site. Portanto, a empresa consegue construir uma relação de confiança com ele a partir da qualidade da interface.

Se um site ou sistema de gestão não é simples, será mais difícil conseguir um grande público de usuários. É comum, por exemplo, que um site perca tráfego orgânico se apresentar muitos erros em teclas e botões. 

No entanto, além de erros, a aparência de um site faz toda a diferença, pois causa um impacto e a impressão que o usuário tem pode levar a desistir ou a continuar utilizando aquela ferramenta.

Por essa razão, então, o papel do desenvolvimento front-end é essencial quando se deseja garantir que a ferramenta realmente funcione e seja útil para o público-alvo.

O que o programador front-end precisa saber?

Uma pessoa precisa adquirir diversos conhecimentos para poder se tornar um programador front-end. Alguns dessas noções são:

  • Lógica de programação;
  • HTML;
  • CSS;
  • Bootstrap.

Lógica de programação

Logica de programacao desenvolvimento front end

Um requisito básico para qualquer pessoa que desenvolve é ter noções da lógica de programação. De forma direta, essa lógica diz respeito a um conjunto de instruções voltadas à resolução de desenvolvimento de um site, software ou aplicativo.

Como a lógica base é sempre a mesma,  ao entendê-la, fica mais fácil entender todos os outros conceitos.

Sendo assim, é o primeiro conceito que o programador deve ter contato, antes mesmo de se especializar enquanto front ou back end. 

Esse conhecimento está bastante conectado com a JavaScript, uma linguagem de programação criada para adicionar mais dinamismo e interatividade a sites que já eram 

estruturados. Ela é uma das principais tecnologias da World Wide Web.

HTML 

Um dos principais e primeiros domínios que um programador front-end precisa ter é quanto ao HTML. O Hypertext Markup Language nada mais é do que a linguagem usada para estruturar todo o conteúdo de um site.

A função do HTML é permitir que os navegadores sejam capazes de interpretar as informações contidas nos blocos de conteúdo com os quais o HTML trabalha.

Esse elemento está diretamente relacionado com a interface, pois envolve conteúdos como tags, textos, imagens e vídeos. O HTML também envolve semântica, a qual pode simplificar a leitura do código e o SEO e acessibilidade.

O ideal é que o desenvolvedor conheça todos os fundamentos do HTML e, depois, os coloque em prática, através da criação de uma página na web. 

CSS

O Cascading Style Sheets, chamado popularmente de CSS, é uma linguagem de estilo que serve para alterar a aparência das páginas criadas em HTML.

Logo, se trata de  um complemento para o HTML, com o objetivo de organizar melhor o visual de um site. É possível, com o CSS,  adicionar cores, efeitos, animações e múltiplos elementos visuais a uma página.

A ideia do CSS é tornar os aplicativos e sites esteticamente mais agradáveis, o que é muito importante para experiência e permanência do usuário

Bootstrap

Por fim, o bootstrap é o tipo de framework front-end, sendo um dos mais populares. Ele facilita o trabalho dos desenvolvedores, uma vez que oferece padrões de HTML, CSS e JavaScript.

Embora não seja tão essencial como os outros citados, também é uma excelente opção para quem vai adentrar esse universo, uma vez que elimina a necessidade de, por exemplo, recriar interfaces do zero. 

Desenvolva aplicativos de forma rápida e visual com o Maker Mobile!

Conclusão

Além de entender o que é, de fato, front-end, você pode entender a importância que esse desenvolvimento tem na experiência do usuário. Para quem desenvolve, esse sistema é essencial!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.