Backlog: O que é, Qual a formação e Quem administra?

backlog

O universo de TI tem uma grande quantidade de conceitos importantes para o desenvolvimento, principalmente no caso de modelos ágeis de gestão. Um deles é o backlog. 

O principal objetivo do backlog é ajudar a compreensão sobre o escopo de um projeto, bem como as prioridades para a execução dele, sendo muito importante para os desenvolvedores.

Considerando isso, nosso texto se dedica a explicar mais sobre o backlog. Iremos explicar qual é a formação de um backlog, quem o administra e até mesmo o que pode interferir na prioridade de um produto de backlog. Boa leitura!

Crie sistemas web e aplicativos mobile de forma simples e visual. Confira!

O que é um backlog?

Backlog, de forma literal, significa acúmulo. Seu conceito, portanto, está bastante ligado a isso. Esse termo, na prática, significa nada mais do que a lista de pendências que são necessárias para dar apoio a um projeto.

Dessa forma, ele pode ser entendido como um conjunto de demandas a serem desenvolvidos e entregues dentro do desenvolvimento de um software. 

Trata-se também de um termo bastante associado dentro do manifesto ágil, uma vez que backlog pode ser aplicado dentro de metodologias ágeis como o kanban e o scrum, as quais buscam reduzir atividades improdutivas dentro do desenvolvimento de software.

Vale ressaltar que os itens de um backlog só podem ser tidos como finalizados após serem propriamente testados e demonstrados. Além disso, os itens do backlog precisam sempre ter dados como descrição, ordem, estimativa e valor.

Por que o backlog é importante para os desenvolvedores?

O backlog é essencial para os desenvolvedores de software, principalmente por funcionar como um instrumento que oferece aprimoramento no desenvolvimento de projetos em relação aos prazos.

Ou seja, o backlog apresenta o papel fundamental quando se trata da organização de projetos, pois é ele quem vai ajudar a equipe a saber priorizar as tarefas a partir do tempo em que a atividade precisa ser feita.

Além disso, o backlog é uma grande ferramenta de conhecimento para uma empresa, pois está sempre em aberto, se transformando a partir dos constantes testes e feedbacks.

Qual a formação de um backlog?

Em primeiro lugar, vale dizer que o backlog sempre deve ser a única fonte de demandas. Ele será responsável por reunir tudo que precisa ser feito deve estar listado nele. Sendo assim, vale entender aspectos importante para a formação de um backlog.

Product Backlog

O produto backlog é um conceito bem simples. Isso porque todo backlog está associado a um produto que será desenvolvido. É ele quem vai definir quais serão as etapas do desenvolvimento de um projeto. 

Esse produto, por sua vez, pode ser representado tanto de forma física, por meio de fichas de índice, como também pelo formato digital  como planilhas e ferramentas tecnológicas de gestão.

Como é muito comum que as equipes de desenvolvimento se articulem de forma remota, o formato digital se torna mais prático para a reunião de informações das listas de pendências sobre os produtos.

Sprint Backlog

sprint backlog

O sprint backlog diz respeito sobre as expectativas em relação às funções relativas à implementação de uma etapa do projeto. Enquanto o produto backlog é definido apenas uma vez, um sprint backlog diferente é criado em cada interação.

Sendo assim, ele se define como um conjunto de itens da lista que são necessários para se alcançar a etapa atual. Essas tarefas sempre dependem do produto backlog. 

O Product Backlog costuma ser dividido durante o Sprint Planning, isto é, a reunião de planejamento. Nesse momento, se entende quantos sprints são precisos para entrega final do projeto no prazo definido.

Backlog de manutenção

Como sugere o nome, o backlog de manutenção funciona como uma espécie de checklist. Ou seja, ele funciona também como uma lista de tarefas relativas à reparação de um produto.

O backlog de manutenção é essencial para garantir a segurança e evitar falhas no produto, o que faz com que essa lista seja constantemente atualizada.

Essa lista de pendências de manutenção garante que nenhuma atividade seja esquecida, oferecendo maior organização para o projeto. 

Quem administra o Backlog?

É importante que o backlog sempre seja gerido por apenas uma pessoa. Nesse caso, quem é responsável por administrar o backlog é o gestor de produto, também chamado de product manager (PM).

 Entre as funções estratégicas do administrador do backlog, estão algumas atividades como, por exemplo:

  • Pesquisa de mercado;
  • Estudo dos dados de uso de seus produtos existentes;
  • Comunicação entre equipes de vendas e clientes;
  • Conhecimento da experiência do usuário

A partir dessa compreensão, o gestor do produto será capaz de desenvolver um roteiro do produto.

O que pode interferir na priorização do Product Backlog?

priorização product backlog

Algumas questões podem também influenciar no processo de priorização de um produto do backlog. São elas a urgência em receber um feedback, a dificuldade de implemetação e a prioridade do cliente.

Urgência em receber feedback

Em primeiro lugar, muitas vezes sabes ser uma determinada etapa do desenvolvimento é eficiente do ponto de vista da experiência do usuário pode fazer com que esse processo seja priorizado em detrimento de outros que estavam na frente.

Dificuldade de implementação

Outro fator que influencia na priorização é a dificuldade de implementação do sprint. Após a elaboração das etapas, pode-se perceber que existe uma tarefa que pode estar sendo dificultada devido pela falta de outra parte do projeto.

Ou seja, se o item planejado para ser feito posteriormente foi priorizado, ficará mais fácil de fazer o item que deveria ser feito antes.

Prioridades do cliente

Por último, como todo produto, os itens do backlog do sprint são demonstrados e testados pelos clientes. No entanto, se uma determinada ação consegue  umentar a satisfação dos clientes, ela pode ser priorizada. 

Por isso, é importante avaliar sempre o impacto de uma ação solicitada pelo cliente sobre o processo. Caso seja uma prioridade relevante, a partir desse retorno do cliente, podem ser necessários ajustes e mudanças também.

Crie sistemas web e aplicativos mobile de forma simples e visual. Confira!

Conclusão

O backlog, como podemos ver durante o texto, é uma lista com descrições de todas as funcionalidades desejadas para a elaboração de um produto.

Trata-se de um conceito muito importante para quem trabalha com desenvolvimento, principalmente em metodologias ágeis como é o caso de kanban e scrum!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.